conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Brasil

De acordo com pesquisadores da USP, Brasil enfrenta “segunda onda” do vírus

As informações levantadas são do pesquisador Domingos Alves, responsável pelo Laboratório de Inteligência em Saúde do Curso de Medicina da USP (Universidade de São Paulo), em Riberão Preto. Ele é um dos profissionais responsáveis por monitorar a situação do Novo cornoavírus no Brasil durante os 8 meses de pandemia.

Os levantamentos demonstram que o país está passando pelos mesmos desafios que Estados Unidos e Europa, pois com a liberação de algumas medidas restritivas há uma nova onda de contágio e o aumento significativo no número de casos em todos os estados brasileiros. Quando a taxa de Retransmissão está acima de 1 ponto (100 pessoas irão infectar mais 112, que podem contaminar 125 pessoas, seguindo crescimento exponencial).

Após três meses de redução de contaminações, os casos no Brasil voltaram a crescer, representado pela quantidade de confirmados em apenas 24 horas no país de mais de 35 mil casos, chegando ao total atual de quase 6 milhões de brasileiros infectados desde o início da pandemia no mês de fevereiro, além de  166 mil mortes em decorrências das infecções causadas pelo vírus.

Fonte: g1.com

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.

Campo Mourão

Decisão foi tomada diante do aumento de casos da covid-19 e a lotação de leitos hospitalares.

Paraná

Quase 12% das pessoas internadas por covid-19 no Paraná, nesta terça-feira (23), têm entre 20 e 39 anos.