conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Comcam

Eleitos de Boa Esperança tomaram posse na véspera da virada do ano

Prefeito eleito Joel Buscariol e o agora ex-prefeito Zé do Caixao (PSB).

O novo prefeito de Boa Esperança, Joel Buscariol (MDB), tomou posse na noite da quinta-feira (31), a cerimonia aconteceu no Clube da Melhor Idade. Com ele também foram empossados o vice-prefeito Carlinhos Donato (MDB) e nove vereadores.

O prefeito e os vereadores do município foram eleitos em novembro do ano passado. A maior bancada da Câmara será do MDB, com 5 vereadores.

Primeiro tomaram posse os nove vereadores eleitos, são eles: Milão Duminelli (MDB); Marcao Buscariol (MDB); Cristina Veiga (Cidadania); Osmar Peterlini (Cidadania); Marquinhos Guimaraes (MDB); Professora Marisa (MDB); Nildo (Cidadania); Ronaldinho do Ze Arleno (MDB) e Profº Reinaldo (PSC)

Em seguida os mesmos elegeram a nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de Boa Esperança que terá mandato pelos próximos dois anos, sendo eleito por unanimidade o vereador Milão Duminelli.

Joel Buscariol foi empossado na presença do adversário no pleito municipal e agora ex-prefeito Zé do Caixao (PSB).

Prefeito

Joel Celso Buscariol tem 50 anos, é engenheiro agrônomo,  foi eleito com 68,23% dos votos válidos. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 1.678.269,91. Já o vice Carlinhos Donato (Jose Carlos da Silva), tem 52 anos, é agricultor e tem um patrimônio declarado de R$ 3.593.987,21.

Cabe ao prefeito decidir onde aplicar os recursos repassados ao município pelo Estado ou pelo governo federal e como administrar o que é arrecadado de impostos, como IPTU e ISS. Ele também é responsável pelas políticas de áreas como educação, saúde, moradia, transporte público e saneamento básico. Para isso, conta com secretários que são nomeados. O prefeito também precisa trabalhar junto com os vereadores, que representam os cidadãos no Legislativo municipal.

Vereadores

Os vereadores são responsáveis por elaborar e propor leis. Os vereadores podem decidir, por exemplo, sobre a criação de políticas públicas. E têm a obrigação de fiscalizar o uso do dinheiro pelo Executivo e analisar a Lei Orçamentária Anual (LOA), que estabelece as despesas do ano seguinte do município.

Há a possibilidade de vereadores deixarem os cargos para assumir funções na prefeitura. Quando isso acontece, o cargo é assumido por um suplente.

Os vereadores de Boa Esperança vão representar 4.047 habitantes. A cidade paranaense tem um PIB de R$ 195.361.689,00 e um Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 0,720, segundo a última medição do IBGE, que é de 2010. O IDH vai de 0 a 1 – quanto maior, mais desenvolvida a cidade – e tem como base indicadores de saúde, educação e renda. A média no Brasil é de 0,765, segundo dados de 2019 divulgados em 15 de dezembro de 2020 pelo Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (PNUD).

Perfil vereadores eleitos:

  • Professor Reinaldo, do PSC, tem 56 anos é contador e foi eleito com 100 votos. Ele tem patrimônio declarado de R$ 205.700,00.
  • Marquinhos Guimarães, do MDB, tem 49 anos, é técnico em agronomia e agrimensura. Foi eleito com 173 votos. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Milão Duminelli, do MDB, tem 43 anos, é casado e tem ensino médio completo. Foi eleito com 236 votos. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Ronaldinho do Zé Arleno, do MDB, tem 42 anos, é motorista de veículos de transporte de carga. Foi eleito com 143 votos. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.
  • Professora Marisa, do MDB, tem 37 anos, é professora de ensino fundamental. Foi eleita com 167 votos. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 21.487,99.
  • Marcão Buscariol, do MDB, tem 55 anos, é agente administrativo. Foi eleito com 218 votos. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 21.961,45.
  • Nildo, do Cidadania, tem 61 anos, é casado e tem ensino fundamental incompleto. Foi eleito com 143 votos. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 74.981,29.
  • Osmar Peterlini, do Cidadania, tem 58 anos, é agricultor. Foi eleito com 176 votos. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 65.756,30.
  • Cristina Veiga, do Cidadania, tem 40 anos, é casada e tem superior completo. Foi eleita com 193 votos. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 30.069,00.

Da Redação com informações G1

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Campo Mourão

Cidade já perdeu 126 moradores para doença

Campo Mourão

Esta é a 119ª vitima da doença no município.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.