conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Campo Mourão

Liberação de corpo na Santa Casa causa briga de família

Briga de família no momento da liberação de corpo de paciente falecido no Hospital Santa Casa de Campo Mourão acaba na delegacia.

Funcionários do hospital acionaram a Polícia Militar (PM) na madrugada desta quarta-feira (7), para intermediar uma briga entre filho e duas mulheres viúvas de um paciente que faleceu na instituição.

A discussão aconteceu no ato da liberação do corpo. Segundos os funcionários, duas mulheres se apresentaram como esposas do homem falecido e queriam realizar a liberação do corpo.

Uma mulher se identificou como atual esposa ao mesmo tempo em que outra mulher, junto com o filho do casal, também se apresentava para realizar o processo. E forçavam os funcionários a tomar posição.

A mulher que se apresentou como atual, se exaltou e teria feito ameaças aos funcionários e forçado que permitissem que ela assinasse o documento.

Ainda conforme as informações, a mulher passou a desacatar os servidores e causar tumulto no local com excessivo tom de voz. O filho do falecido relatou que ela havia proferido diversas ofensas contra a sua honra, bem como a sua mãe.

Mesmo com a presença da equipe policial a acusada se comportava de maneira agressiva com os servidores e familiares do marido, bem com todos os policiais que estavam no local. Ela disse aos policiais que tinha o direito de assinar o atestado de óbito já que a mesma possuía registro de união estável.

Já o filho e sua mãe apresentaram um documento informando que o casal esteve casado por cerca de 30 anos, e que estiveram separados apenas por um período, momento em que o falecido havia casado novamente, mas que ele havia reatado o casamento com primeira esposa.

Os militares tiveram muito trabalho para conter os ânimos exaltados, principalmente da mulher que dizia ser a atual esposa. Em vários momentos ela se dirigiu aos policiais de maneira desrespeitosa.

Diante da situação e manifestação da outra parte em representar contra a acusada, todos foram encaminhados até a Delegacia de Polícia Civil para que fossem adotados os devidos procedimentos.

Com informações da Polícia Militar/11º BPM

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.

Campo Mourão

Decisão foi tomada diante do aumento de casos da covid-19 e a lotação de leitos hospitalares.

Campo Mourão

Esta é a oitava morte esta semana pela covid-19