conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Política

Morre Ananias Maidana, histórico líder comunista paraguaio

Do Potal Vermelho.

O líder histórico do Partido Comunista Paraguaio (PCP), Ananias Maidana, morreu neste sábado (30 aos 87 anos de idade no hospital do Instituto de Previdência Social, em Assunção, disseram os familiares do líder político. Maidana faleceu devido a complicações de câncer de próstata, disseram as fontes.

Seu corpo está sendo velado no Centro Cultural da República, antiga sede do Congresso, e o enterro será neste domingo (31), ao meio-dia, no cemitério da Recoleta.

Ao líder comunista paraguaio, que foi um dos políticos mais perseguidos durante a ditadura de Alfredo Stroessner (1954-1989), foi concedida, no último 10 de março, pelo presidente paraguaio, Fernando Lugo, a “Ordem Nacional do Mérito no Grau Grã-Cruz “.

Na ocasião, o presidente pediu desculpas em nome do Estado por “tantas mortes e tanta injustiça” em tempos de ditadura, durante os quais pelo menos 59 pessoas foram mortas e 336 desaparecidos, segundo a Comissão da Verdade e da Justiça.

Maidana lutou contra a ditadura Stroessner sob cujo regime esteve preso durante 24 anos em prisões diversas, 20 dos quais continuamente na Terceira Delegacia onde foi submetido a torturas e humilhações flagrantes.

De espírito indomável, Maidana voltou ao país após 10 anos de exílio na Argentina e depois do golpe de 1989 e se juntou ao processo de construção de transição democrática.

Maidana, que era secretário-geral do PCP (Partido Comunista Paraguaio) desde então, concorreu a uma cadeira no Senado em 2008, nas eleições gerais em que Lugo ganhou a presidência à frente da Aliança Patriótica para a Mudança. O PCP também faz parte da coligação.

Em comunicado à imprensa, a direção do PCP comunicou o falecimento de seu líder histórico e reafirmou a postura de Maidana como uma liderança que se sobressaía por sua “entrega, coerência, firmeza, honestidade e luta pela libertação de todos os povos do mundo”.

“Estamos conscientes de que no corpo de Ananías repousam um grande cérebro e toda uma personalidade que já não poderá ser aproveitada por nosso povo em sua luta por uma sociedade exemplarmente democrática”, diz a nota do PCP.

Najeeb Amado, secretário-geral do PCP, classificou-o como um dos maiores expoentes da luta pela democracia no Paraguai, com um nível de humanidade altamente elevado. “Consistente, transparente, intransigente lutador pela libertação dos povos do mundo”.

Meses atrás, o líder político foi submetido a um tratamento exaustivo em Cuba, onde, novamente, recuperado. Nunca mostrou fraqueza nos últimos dias e continuou a trabalhar para fortalecer o processo democrático no país, de acordo com Amado.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Campo Mourão

Cidade já perdeu 126 moradores para doença

Campo Mourão

Esta é a 119ª vitima da doença no município.

Campo Mourão

Outras 221 apostas faturaram a quadra.