conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Comcam

MP aponta nepotismo em contratação e prefeito de Nova Cantu exonera irmã de vice

O Ministério Público do Estado do Paraná (MPPR), por meio do promotor de Justiça Thimotie Aragon Heemann, expediu, na última quinta-feira (4), recomendação ao prefeito de Nova Cantu, Airton Antonio Agnolin (PDT), para que efetuasse, no prazo máximo de 24 horas, à exoneração, de Rosane Mara Fontana Silva, irmã do vice-prefeito Osni Ademir Fontana (PSD) por configurar uma situação de nepotismo direto ou indireto. Diante da notificação Agnolin realizou a exoneração que esta publicado em Diário Oficial da na sexta-feira (5).

A iniciativa do promotor foi sustentada pela Súmula Vinculante nº 13 do Supremo Tribunal Federal (STF), que proíbe a nomeação de cônjuges, companheiros, parentes ou por afinidade em linha reta ou até terceiro grau para cargos em comissão ou de confiança, o que se considera como nepotismo, e viola a Constituição Federal.

No documento, o promotor recomendou, ainda, ao prefeito que, em cumprimento à recomendação, a exoneração fosse realizada no prazo máximo de 24 horas. Rosane foi nomeada em Cargo Comissionado, Assessor Estratégico, no dia 06 de janeiro de 2021. A qual se encontrava em situação de nepotismo, já que a mesma é irmã do vice-prefeito Osni Ademir Fontana.

Conforme o documento, “a investidura em cargo de provimento em comissão de pessoas que detenham vínculo de parentesco com os mencionados agentes políticos revela favorecimento, em ofensa aos princípios da moralidade e da impessoalidade;” O promotor observa ainda que também constitui ato de improbidade, e, portanto, é comportamento vedado.

A recomendação incluiu ainda a orientação para que o prefeito se abstenha de realizar a admissão, contratação ou o credenciamento de servidores para o exercício de cargo em comissão, temporário ou contratações esporádicas para os cargos disponíveis em toda estrutura do Poder Executivo por pessoas que tenham parentesco vedado, até terceiro grau, com vereadores, prefeito, secretários municipais, os presidentes ou dirigentes de autarquias, institutos, agências empresas públicas, sociedades de economia mista e fundações públicas e outros detentores de cargos em comissão.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Campo Mourão

Cidade já perdeu 126 moradores para doença

Campo Mourão

Esta é a 119ª vitima da doença no município.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.