conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Comcam

Prefeito de Roncador, vice-prefeita e nove vereadores são empossados

Alynny Kuchla, Jenauro Hruba e Vivaldo Lesssa

A Sessão Solene de posse do prefeito eleito de Roncador Vivaldo Lessa (DEM), vice-prefeita Alynny Kuchla (PSD) e os nove vereadores para o mandato 2021/2024, aconteceu no Auditório da Câmara Municipal de Vereadores às zero hora desta sexta-feira (1º).

O prefeito e os vereadores do município foram eleitos em novembro do ano passado. A maior bancada da Câmara será a do PP, com 3 vereadores. Tomaram posse os vereadores: Amadeu Elízio Santos, Antonio Martins, Diovane Seguro, Edmar Marcheski, Edison José Pietroski, Irene Kozak do Bomfim, Jenauro Hruba, Maria Santina Ribeiro da Luz Silva e Pedro Ferreira de Castro, os quais realizaram na sequência eleição da Mesa Diretora, onde elegeram como Presidente da Casa o Vereador Jenauro Hruba.

Mesa Diretora ficou composta:

  • Presidente: Jenauro Hruba (PSD)
  • 1º Vice-presidente: Amadeu Elízio Santos (PP)
  • 2º Vice-presidente: Irene Kozak do Bomfim (PSD)
  • 1º Secretário: Antonio Martins (PP)
  • 2º Secretário: Edison José Pietroski (PP)

Em seguida foram empossados o prefeito Vivaldo Lessa e a vice-prefeita Alynny Kuchla, na presença de Marília Gonçalves que encerrou a gestão a frente da prefeitura.

Prefeito

Cabe à prefeito decidir onde aplicar os recursos repassados ao município pelo Estado ou pelo governo federal e como administrar o que é arrecadado de impostos, como IPTU e ISS. Ele também é responsável pelas políticas de áreas como educação, saúde, moradia, transporte público e saneamento básico. Para isso, conta com secretários que são nomeados. O prefeito também precisa trabalhar junto com os vereadores, que representam os cidadãos no Legislativo municipal.

O prefeito Vivaldo Lessa Moreira tem 50 anos, é casado, declara ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a ocupação de servidor público municipal e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 673.373,84. Já a vice Alynny Kuchla (Alynny Cristine Kuchla da Costa), do PSD, tem 34 anos, é casada, declara ao TSE a ocupação de servidora público municipal e tem superior completo. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 114.684,37.

Eleitos e empossados de Roncador

Vereadores

Os vereadores são responsáveis por elaborar e propor leis. Os vereadores podem decidir, por exemplo, sobre a criação de políticas públicas. E têm a obrigação de fiscalizar o uso do dinheiro pelo Executivo e analisar a Lei Orçamentária Anual (LOA), que estabelece as despesas do ano seguinte do município.

Há a possibilidade de vereadores deixarem os cargos para assumir funções na prefeitura. Quando isso acontece, o cargo é assumido por um suplente.

Os vereadores de Roncador vão representar 9.645 habitantes. A cidade paranaense tem um PIB de R$ 372.678.182,00 e um IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de 0,681, segundo a última medição do IBGE, que é de 2010. O IDH vai de 0 a 1 – quanto maior, mais desenvolvida a cidade – e tem como base indicadores de saúde, educação e renda. A média no Brasil é de 0,765, segundo dados de 2019 divulgados em 15 de dezembro de 2020 pelo Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (PNUD).

Veja quem são os vereadores:

Pedro do Neco, do PV, tem 53 anos, é divorciado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.

Macheski da Caçamba, do PV, tem 47 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de servidor público municipal e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 64.960,00.

Irene Kozak, do PSD, tem 51 anos, é casada, declara ao TSE a ocupação de agricultora e tem ensino fundamental completo. Ela não declara nenhum bem como patrimônio.

Jenauro Hruba, do PSD, tem 46 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de servidor público municipal e tem superior incompleto. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 194.500,00.

Maria Santina, do PSC, tem 62 anos, é casada, declara ao TSE a ocupação de empresária e tem ensino médio completo. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 22.000,00.

Diovani Seguro, do PSC, tem 22 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de empresário e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 80.000,00.

Edison Pietroski, do PP, tem 72 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de agricultor. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 240.000,00.

Amadeu, do PP, tem 38 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 57.565,20.

Antonio Martins, do PP, tem 56 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 171.121,28.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.

Campo Mourão

Decisão foi tomada diante do aumento de casos da covid-19 e a lotação de leitos hospitalares.

Paraná

Quase 12% das pessoas internadas por covid-19 no Paraná, nesta terça-feira (23), têm entre 20 e 39 anos.