conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Comcam

Voluntários entregam presentes e doces para crianças de Ubiratã

Apesar das dificuldades por conta da pandemia, iniciativas solidárias não foram interrompidas em Ubiratã. Foto: Divulgação

Uma grande corrente de solidariedade e esperança. Assim pode ser definida a ação dos voluntários do grupo Anjos do Bem de Ubiratã, projeto que, nesta época de Natal, arrecada brinquedos e doces e distribui para crianças em diversos bairros da cidade.

Os voluntários, coordenados por Keven Pomponeti, criaram a campanha há sete anos, para realizar um Natal com mais carinho e afeto para crianças da cidade. O projeto foi crescendo ao longo dos anos, e no último domingo (20), cerca de 2 mil crianças receberam a visita da equipe na porta de suas casas pra receber o presente de natal.

Para chegar ao dia da entrega, conta Keven, meses antes, uma campanha de arrecadação de doações é realizada pelas redes sociais. Algumas pessoas doam brinquedos, doces e há quem doe dinheiro que é gasto para complementar os presentes. A prestação de contas é feita também pela internet, com lives ou postagens, que deixam público toda a organização.

Neste ano, eles percorreram os bairros Boa Vista, Alzira Rezende, Jardim João Paulo II e São Vicente, as crianças foram previamente cadastrados, para no dia da ação ninguém ficar sem receber, aquele que para muitos pode ser o único presente neste fim de ano.

O ano de 2020 foi um ano atípico para todo o mundo, mas a pandemia da covid-19 reforçou o sentimento de união. “Quero agradecer a todos que disponibilizaram um tempinho pra ajudar a realizar esse projeto solidário”, reitera Keven.

 

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Campo Mourão

Cidade já perdeu 126 moradores para doença

Campo Mourão

Esta é a 119ª vitima da doença no município.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.