Comcam Política Todos

Wilson Tureck tomou posse para seu terceiro mandato como prefeito de Luiziana

Wilson Tureck tomou posse para seu terceiro mandato como prefeito de Luiziana. Foto: Divulgação Assessoria Imprensa

Aconteceu na madrugada de sexta-feira (1º), nas dependências do auditório da Câmara Municipal de Vereadores de Luiziana a cerimônia de posse do prefeito Wilson Antonio Tureck (PSD), juntamente com seu vice Marcio Fin (PL). Na mesma oportunidade, foi eleita e empossada a nova mesa diretora que comandará o Poder Legislativo para o biênio 2021/2022.

O prefeito e os vereadores do município foram eleitos em novembro do ano passado. A maior bancada da Câmara será do PDT, com 4 vereadores. Depois da votação, acompanhada de perto por todos os presentes, a mesa diretora ficou composta da seguinte forma:

  • Presidente Sidnei Franco Olipa (PDT)
  • Vice-presidente: Sergio Simões (PL)
  • 1º Secretario: Wallace Maia (MDB)
  • 2º Secretario: Ederson Luiz Pol (PDT)

Prefeito

O novo Presidente da Casa de Leis conduziu a cerimônia que empossou Tureck vice Marcio Fin. Este será do terceiro mandato de Tureck, que foi prefeito em duas ocasiões: 1996-2000 e 2001-2004 tendo como vice Sadi Fin, pai do atual vice-prefeito Marcio Fin.

O prefeito Wilson Antonio Tureck tem 63 anos, é casado e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 300.500,00. Já o vice Marcio Fin (Marcio Fin), do PL, tem 42 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de agricultor e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 407.902,28.

Cabe ao prefeito decidir onde aplicar os recursos repassados ao município pelo Estado ou pelo governo federal e como administrar o que é arrecadado de impostos, como IPTU e ISS. Ele também é responsável pelas políticas de áreas como educação, saúde, moradia, transporte público e saneamento básico. Para isso, conta com secretários que são nomeados. O prefeito também precisa trabalhar junto com os vereadores, que representam os cidadãos no Legislativo municipal.

Posse prefeito e vereadores de Luiziana. Foto: Divulgação Assessoria Imprensa

Vereadores

Os vereadores são responsáveis por elaborar e propor leis. Os vereadores podem decidir, por exemplo, sobre a criação de políticas públicas. E têm a obrigação de fiscalizar o uso do dinheiro pelo Executivo e analisar a Lei Orçamentária Anual (LOA), que estabelece as despesas do ano seguinte do município.

Os vereadores de Luiziana vão representar 7.240 habitantes. A cidade paranaense tem um PIB de R$ 260.241.515,00 e um IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de 0,668, segundo a última medição do IBGE, que é de 2010. O IDH vai de 0 a 1 – quanto maior, mais desenvolvida a cidade – e tem como base indicadores de saúde, educação e renda. A média no Brasil é de 0,765, segundo dados de 2019 divulgados em 15 de dezembro de 2020 pelo Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (PNUD).

Veja quem são os vereadores eleitos:

Joaquim Pepineli, do PSD, tem 56 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de vereador e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 174.400,00.

Geralda Fantini, do PL, tem 51 anos, é casada, declara ao TSE a ocupação de servidora público municipal e tem ensino médio completo. Ela tem um patrimônio declarado de R$ 150.000,00.

Serginho, do PL, tem 44 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de servidor público municipal e tem ensino médio completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 15.500,00.

Ze Carlos, do PDT, tem 53 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de servidor público municipal e tem ensino fundamental completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 500.000,00.

Ederson Thioka, do PDT, tem 35 anos, é solteiro e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 114.887,20.

Armando, do PDT, tem 54 anos, é separado judicialmente, declara ao TSE a ocupação de servidor público municipal e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 252.500,00.

Olipa Dentista, do PDT, tem 42 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de odontólogo e tem superior completo. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 2.160.916,38.

Wallace Maia, do MDB, tem 27 anos, é casado, declara ao TSE a ocupação de agrônomo e tem superior completo. Ele não declara nenhum bem como patrimônio.

Pedro Faria, do Cidadania, tem 59 anos, é solteiro, declara ao TSE a ocupação de agricultor e tem ensino fundamental incompleto. Ele tem um patrimônio declarado de R$ 131.600,00.

Da Redação com informações Assessoria Imprensa e TSE


Deixe um comentário