conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Campo Mourão

Lei pretende dar incentivo fiscal para estimular instalação do setor de tecnologia em Campo Mourão

A Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) recebeu nesta terça-feira (2) o projeto de lei que pretende desonerar tributos em relação ao ICMS aos estabelecimentos industriais de produtos eletrônicos, de telecomunicação e de informática.

Para o deputado estadual Douglas Fabricio (Cidadania), a aprovação deste projeto pode ajudar a diversificar, ainda mais a matriz econômica de Campo Mourão.

O projeto, que embora seja de autoria do Poder Executivo, foi sugerido por Douglas e incentiva a criação de novos polos tecnológicos no Paraná com ambiente industrial que concentre recursos humanos, laboratórios e equipamentos, e que resulte na elaboração de novos processos, produtos e serviços industriais.

Os reflexos positivos serão inúmeros explica o deputado. “Com os benefícios fiscais, as regiões vão atrair investimentos e empresas da área da tecnologia. Teremos mais emprego, renda e consequentemente mais arrecadação de impostos pelos governos. É uma proposta que deverá contribuir bastante para o desenvolvimento econômico de nosso estado.”

Atualmente há uma lei estadual contemplava Foz do Iguaçu, Pato Branco, Francisco Beltrão e Dois Vizinhos. Municípios que têm sede da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e agora com esse novo projeto a pretensão é que o benefício fiscal seja concedido aos municípios de Campo Mourão, Cornélio Procópio, Londrina e Guarapuava.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.

Campo Mourão

Decisão foi tomada diante do aumento de casos da covid-19 e a lotação de leitos hospitalares.

Paraná

Quase 12% das pessoas internadas por covid-19 no Paraná, nesta terça-feira (23), têm entre 20 e 39 anos.