Campo Mourão Política Saúde Todos

Entidades lembram atuação do Vereador Edson Battilani

Campo Mourão esta em luto, a morte do Vereador Edson Battilani na manhã dessa quarta-feira (9) criou um clima de comoção que ultrapassou os atores políticos da cidade. Em tempos de pandemia de coronavírus e sendo o engenheiro agrônomo aposentado uma das 100 vitimas da doença na região, as redes sociais viraram o lugar da última homenagem.

Battilani chegou ao Paraná como estudante, na UFPR se formou engenheiro agrônomo, foi servidor público no Instituto Ambiental do Paraná (IAP), foi Presidente da Associação de Engenheiros Agrônomos do Município de Campo Mourão e Conselheiro do Crea-PR.

Na administração pública foi Secretário Municipal da Agricultura e Meio Ambiente de Campo Mourão na gestão do Prefeito Rubens Bueno, nas eleições municipais de 1996 foi eleito pela primeira vez vereador, exercendo o cargo por três legislaturas, além de Presidente da Câmara Municipal (1997-1998), tendo exercido interinamente o cargo de Prefeito Municipal.

Como parlamentar foi autor de diversos Projetos de Lei, Emendas e Resoluções, hoje muitas organizações sociais do município fizeram questão de registrar publicamente o agradecimento e lamentar a perda de figura ímpar da sociedade mourãoense.

Seus projetos perpassam por diversos setores da sociedade, muito atuante em causas ambientais e ligadas a saúde, prova disso foi o seu mais recente projeto que virou lei na semana passada, a Lei da Doula.

O Vereador foi o proponente da lei como lembrou a organização Flor do Ventre, “sempre foi solícito e extremamente educado em nos atender” a publicação na página ainda fez questão de frisar que também é de Battilani também a lei que penaliza a violência obstétrica em no município.

Foi autor da lei que dispõe sobre a Política Municipal de Atendimento dos Direitos da Criança e do Adolescente, sendo apoiador de as ações voltadas para arrecadação de recursos oriundos da destinação de parte do Imposto de Renda devido a Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente e Fundo dos Direitos do Idoso, hoje a página da Campanha do Imposto de Renda lamentou a partida “sempre parceiro das entidades e de suas causas, parceiro ativo e determinado”.

A AACM fez questão de agradecer o apoio na criação de três leis importantes que para eles ajudou a “divulgar informações sobre o autismo, participando ativamente de nossos eventos e também na elaboração de leis em nosso favor”.

A Associação dos Produtores Hortifrúti de Campo Mourão (Feira do Produtor), lembrou, que Edson, ainda como Secretário da Agricultura e Meio Ambiente foi fundador da feira noturna.

A Presidente do Conselho Municipal de Saúde (Comus), Lenilda de Assis, também lamentou a morte de quem ela descreveu como “um aliado da ciência e das politicas públicas”. Ressaltou que ele sempre foi solicito em diversas batalhas travadas pelo Conselho. Ela recorda que recentemente foi aprovado em Conferência de Saúde uma a proposta de criar um Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher e que o Vereador estava muito interessado em participar desse projeto.

Os artistas da Escola de Circo também se lembraram do imenso apoio que o Vereador deu a oficialização da escola como setor da Fundação Cultural (Fundacam).

Campo Mourão perdeu um grande apoiador e parceiro de grandes causas.


Deixe um comentário