conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Educação

Governo do Paraná confirma volta às aulas em 18 de fevereiro de 2021

O Governo do Paraná confirmou, nesta terça-feira (15), a pretensão que os estudantes da rede estadual de ensino voltem às aulas no dia 18 de fevereiro de 2021.

O plano já havia sido anunciado pela Secretaria Estadual de Educação (Seed) no último sábado (12), o sistema das aulas funcionará no modelo híbrido um grupo de estudantes acompanha a aula presencialmente, na escola, e os outros alunos da turma participam da mesma aula, simultaneamente, de maneira remota.

Uma entrevista coletiva com a participação do governador do Paraná, Ratinho Junior (PSD), do ministro da Educação, Milton Ribeiro, e do secretário estadual da Educação, Renato Feder, deu detalhes do projeto.

De acordo com o governador, a prioridade será dos alunos que não têm acesso à tecnologia em casa, como um computador ou aparelho de telefone celular. Quem não se enquadrar na categoria poderá seguir o modelo atual, com a impressão do material didático.

A Seed informou que ficará a cargo dos colégios estaduais adotar medidas de prevenção contra a covid-19, conforme protocolo elaborado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Entre outros itens, haverá medição de temperatura na entrada das escolas, uso obrigatório de máscara, distanciamento social respeitando o distanciamento de 1,5 metro entre alunos e disponibilização de álcool em gel dentro da escola. A capacidade da sala de aula também será reduzida a no máximo 50% da ocupação normal.

A confirmação da presença dos alunos nas escolas será feita por pais ou responsáveis legais, que assinarão um documento autorizando a ida do estudante. Eles terão liberdade para aderir ou não ao modelo presencial. Profissionais do grupo de risco, por exemplo, estão liberados das atividades presenciais.

Em nota a APP-Sindicato disse que esse projeto não foi debatido com a entidade sindical, com estudantes ou familiares e que tal fato causa muita preocupação. Ainda segundo a nota, a APP buscará aprofundar os debates com autoridades da área da saúde, com as preocupações de que qualquer retomada que ofereça risco à vida da categoria, dos estudantes e seus familiares será rechaçada.  A APP-Sindicato avaliará o quadro em assembleia convocada para o dia 6 de fevereiro 2021.

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Campo Mourão

Aniversariante chegou a se esconder no meio do mato pra fugir de blitz da aglomeração.

Comcam

Entre esses pacientes, 5 estavam na lista de regulação para vaga em leitos de enfermaria e 6 pessoas necessitando de vagas em leito UTI.

Campo Mourão

Decisão foi tomada diante do aumento de casos da covid-19 e a lotação de leitos hospitalares.

Paraná

Quase 12% das pessoas internadas por covid-19 no Paraná, nesta terça-feira (23), têm entre 20 e 39 anos.